Obras em português 

 

WEIL, Simone. A condição operária e outros escritos sobre a opressão, Org. Ecléa Bosi, Rio de Janeiro, Paz e Terra, 1979.

 

WEIL, Simone. A gravidade e a graça, São Paulo, ECE, 1986; nova tradução: São Paulo, Martins Fontes, 1993.

WEIL, Simone. Espera de Deus, São Paulo, ECE, 1987. Ed. Portuguesa: Lisboa, Assírio & Alvim, 2005.

WEIL, Simone.  Pensamentos desordenados acerca do amor de Deus, São Paulo, ECE, 1991.

 

WEIL, Simone. Aulas de Filosofia, Campinas, Papirus, 1991.

 

WEIL, Simone. O Enraizamento, São Paulo, EDUSC, 2001.

 

WEIL, Simone.  Opressão e Liberdade, São Paulo, EDUSC, 2001.

 

WEIL, Simone. Opressão e Liberdade, Lisboa: Livraria Morais Editora, 1964.

WEIL, Simone. A fonte grega, Lisboa, Ed. Cotovia, 2006.

WEIL, Simone. Reflexões sobre as causas da liberdade e da opressão social, Rio de Janeiro, Ed. Achiamé, 2008.

WEIL, Simone.  Pela supressão dos partidos políticos, Belo Horizonte/Veneza: Editora Âyiné, 2016. (Contém a tradução de dois ensaios de Simone Weil: "Note sur la suppression générale des partis politiques" e "La personne et le sacré". Esses ensaios foram escritos pela autora provavelmente em 1943 e publicados postumamente primeiramente na revista La Table Ronde respectivamente nos números 28 e 36 ambos de 1950. Posteriormente apareceram no volume Simone Weil, Écrits de Londres et denières lettres, Paris: Gallimard, 1957. Todos esses dados infelizmente não foram disponibilizados pela tradução).